Entretenimento

Paulo Gustavo chega a Goiânia com o espetáculo ‘Online’

Há pessoas que passam mais tempo ligadas ao mundo virtual do que no real. O ator e humorista Paulo Gustavo é um deles. Fica plugado na internet o tempo todo e posta no Instagram, no Snapchat, no Facebook quase ao mesmo tempo em que faz teatro, cinema e televisão. No palco, onde encena Online, o ator canta, dança, atua, dirige e trata exatamente dessa ‘dependência’ que marca os tempos modernos. O espetáculo estará em cartaz nos dias 29 e 30 de abril, no Teatro Rio Vermelho, em Goiânia.

O enredo retrata um dia na vida de um homem que está o tempo todo online fazendo tantas e variadas coisas que acaba por não fazer bem coisa nenhuma. “Parece que a gente nunca está sozinho. Isso cria uma série de situações tristes, assustadoras, preocupantes mas que, sobretudo, fazem rir. É preciso olhar para esse nosso dia a dia com humor, porque não tem mais volta. Estamos todos online”, afirma o ator.

O espetáculo é um misto de musical, dança, dramaturgia, stand up. Os efeitos visuais valorizam elementos que remetem à conectividade tão presente no dia a dia de quem usa e abusa das redes sociais e da troca de informações instantâneas. Tanta facilidade de encontros, tanta troca de informação, tanta gente interconectada pode até parecer ótimo, mas pelo ponto de vista de Paulo Gustavo, beira o insuportável sem deixar de ser divertido.

Online foi escrita em parceria com Fil Braz, parceiro habitual, em projetos como “220 Volts” (série e espetáculo), “Minha Mãe É uma Peça” (filme) e “Vai Que Cola” (série e filme). Com Paulo Gustavo atua um elenco formado por Aldo Perrotta, Danilo Sacramento, Lucas Drummond, Ana Terra Blanco, Izabella Bicalho, Pia Manfroni e Rita Fischer. João Fonseca assina a supervisão de direção. O músico Zé Ricardo é responsável pelos ares de musical, com coreografias de Renata Guanabara.

A cenografia e o uso inteligente da tecnologia a serviço do que o espetáculo quer comunicar é um show à parte. O cenário acompanha as mudanças rápidas da história com jogo de luzes, num total de dez ambientações criadas pelo diretor de arte Zé Carratu. Impossível o espectador não se convencer de que estamos mais online que ao vivo. Paulo Gustavo é uma prova disso. E ele vai traduzir essa realidade de uma forma muito divertida nos palcos.

A temporada de estreia de Online no Rio de Janeiro foi um verdadeiro sucesso. A peça ficou quatro meses em cartaz no teatro Oi Casa Grande, lotando todas as sessões e totalizando um público de mais de 100 mil pessoas. E o período foi de grandes números para Paulo Gustavo! No cinema, o ator lançou o filme “Minha Mãe É Uma Peça 2”

O ator
Paulo Gustavo é um dos humoristas mais dinâmicos desta nova geração. Estreou nos palcos em 2004, quando integrou o elenco da peça “O Surto” e apresentou ao público a divertida dona Hermínia. No ano seguinte, formou-se na Casa de Arte das Laranjeiras (CAL), junto com Fábio Porchat e Marcus Majella.

O monólogo “Minha mãe é Uma Peça” foi lançado em 2006 e pode ser considerado um marco na carreira do artista. Em 2013, foi para os cinemas como um longa metragem, e esteve entre os filmes mais assistidos do ano. Em 2015 virou livro e este ano, entrou em cartaz com “Minha mãe é Uma Peça 2” que já foi visto por quase 9 milhões de espectadores, em menos de dois meses mês após o lançamento, se tornando uma das maiores bilheterias da história.

Fora dos palcos, Paulo Gustavo apresenta desde 2011 o humorístico 220 Volts, um dos programas de maior audiência do Multishow, participou de produções como o filme “Divã”e a série homônima, onde interpretou o cabeleireiro Renée, e de séries como “Minha Nada Mole Vida”, “A Diarista”, “Casos e Acasos” e “Sítio do Pica-pau Amarelo”. Para este ano está cotada a sua participação no filme “A História de São Francisco de Assis”, no qual ele irá interpretar o personagem-título.

Ficha Técnica:
Texto – Paulo Gustavo e Fil Braz
Colaboração de texto – Leandro Soares
Direção – Paulo Gustavo
Supervisão de Direção – João Fonseca
Elenco – Aldo Perrotta, Danilo Sacramento, Lucas Drummond, Ana Terra Blanco, Izabella Bicalho, Pia Manfroni e Rita Fischer.
Cenário – Zé Carratu
Figurinos – Fause Haten
Música e Trilha Sonora – Zé Ricardo
Iluminação – Marcos Olivio
Coreografa – Renata Guanabara
Produção – Claudio Tizo e Híbrido Eventos
Produção Local – Cia de Sucessos
Assessoria de Imprensa Goiânia: FatoMais Comunicação

Classificação Etária: 14 anos
Duração: 80 minutos

Serviço
“Online”, com o ator Paulo Gustavo
Local: Teatro Rio Vermelho – Endereço Rua 4 nº 1.400 – Centro

Data e horários:
– Dia 29 de abril (sábado), às 21h / Dia 30 de abril (domingo), às 20h

Informações: 3219-3300 / 3400

Vendas:
Cartão de crédito: www.compreingressos.come Call Center 4052-0016
PET S/A – 3932-0708
Submarino Festas – 3261-1775
Komiketo da T-4

Valor dos Ingressos:
Plateia Inferior
R$ 150 (Inteira) / R$ 75 (meia-entrada)

Plateia Superior (De A a G)
R$ 100 (Inteira) / R$ 50 (meia-entrada)

Plateia Superior (De H a J)
R$ 50 (inteira) / R$ 25 (meia-entrada)

CrossLife
Faça um comentário

Faça seu comentário

Mais lidas do Mês

To Top