Home / Esporte / Goiás segura pressão, empata com a Aparecidense e fatura o 25º estadual

Goiás segura pressão, empata com a Aparecidense e fatura o 25º estadual

Alviverde faz prevalecer vantagem adquirida e é campeão com igualdade por 1 a 1
e placar agregado de 3 a 1 sobre o Camaleão, que fica sem a sonhada taça inédita

_DSC7831

Foram tantos ingredientes que a ausência da vitória até ficou em segundo plano. Embalado por mais de 30 mil torcedores, o Goiás precisou apenas de um empate por 1 a 1 com a Aparecidense para conquistar o 25º título estadual de sua história e voltar a ser campeão do Campeonato Goiano.

A atuação esteve longe de ser brilhante na tarde deste domingo no Serra Dourada. Contudo, a eficiência de Renan nas defesas e de Felipe Menezes no chute que selou o título foram o bastante para fazer a festa esmeraldina no estádio, que voltou a contar com a presença em massa da torcida. Washington, logo nos primeiros segundos do segundo tempo, até tentou levar a Aparecidense ao sonho da taça inédita, mas em vão. Pesou a vantagem e a tradição do Alviverde.

_DSC7732

Com o placar agregado de 3 a 1 construído no confronto, o Goiás faturou o caneco e liberou o grito de campeão que estava entalado após a tragédia da perda do título para o Atlético-GO em 2013. Embalado, o clube volta a campo agora pela Série A do Campeonato Brasileiro. Já a Aparecidense tem a Série D por duas temporadas e também a vaga na Copa do Brasil de 2016.

_DSC7663 _DSC7664

O primeiro tempo foi da Aparecidense. Precisando vencer por três gols de diferença, o Camaleão pressionou o Goiás e criou boas oportunidades, sobretudo com Tozin, que infernizou o goleiro Renan. As melhores chances foram em chute da entrada da área e em cobrança de falta. Já o Alviverde só conseguiu chegar ao ataque no final, duas vezes com Bruno Henrique, que parou em Pedro Henrique.

_DSC7685 _DSC7678

Lançado nas costas da defesa, Washington se livrou de Juliano com um belo drible e abriu o placar logo com 20 segundos da etapa final. A Aparecidense se lançou ao ataque para buscar os dois gols que faltavam para o título. Tozin teve chance de fazer o segundo. Contudo, o Goiás soube usar os contra-ataques. Em uma jogada que começou com Ygor, Bruno Henrique abriu para Felipe Menezes, que chutou cruzado e igualou. Era tudo que o Goiás precisava para segurar o empate e sair do Serra com o 25º título estadual.

_DSC7651 _DSC7629 _DSC7818 _DSC7784 _DSC7822

G1 Goiás

Enquanto isso...

Basquete goiano no pódio do JUBs

Time masculino conquistou ouro e feminino conquista prata. Com o resultado, os dois sobem para …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *