fbpx

Temporada da jabuticaba movimenta economia em Hidrolândia


Governo de Goiás, por meio da Emater, realiza acompanhamento de produção junto a agricultores locais e auxilia na comercialização de seus produtos derivados da fruta

Conhecida nacionalmente pela produção de jabuticaba, Hidrolândia, município na Região Metropolitana de Goiânia, abre de setembro a novembro a temporada da fruta, movimentando a economia local com a comercialização tanto in natura quanto de produtos derivados. A cidade, que lidera o ranking de municípios brasileiros que cultivam jabuticaba, coloca o Estado em destaque, o maior produtor do país, de acordo com a Radiografia do Agro, publicação da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa).

Anualmente, o Governo de Goiás, por meio da Agência Goiana de Assistência Técnica, Extensão Rural e Pesquisa Agropecuária (Emater), realiza o acompanhamento da produção junto aos agricultores da região. Em 2019, a safra foi estimada em 6.700 toneladas em todo território goiano. Para este ano ainda não é possível calcular o número por conta da estiagem, que pode trazer impactos na produção. Segundo o engenheiro agrônomo da Emater, Geovane de Carvalho Ferreira, altas temperaturas acompanhadas de umidade relativa do ar baixa podem provocar abortamento, ou seja a queda de frutos recém-formados.

Apesar disso, a expectativa é positiva, pois o clima seco favorece a colheita. Somente na Fazenda Jabuticabal, no Distrito de Nova Fátima, a safra deve atingir 200 toneladas, conforme o produtor rural Paulo Antônio Silva, proprietário do lugar. A propriedade detém o maior pomar de jabuticaba do mundo, com 42.000 pés de jabuticabeiras distribuídos em uma área de 100 hectares.

Pioneira, a fazenda realiza atividades de ecoturismo desde a década de 1960, recebendo milhares de visitantes, que podem apreciar a fruta diretamente da árvore. Em decorrência da pandemia do Novo Coronavírus (Covid-19), medidas de prevenção foram tomadas para receber o público, como a obrigatoriedade do uso de máscaras e disponibilização de álcool para a higienização em todas as áreas.

Entre as atrações está a lojinha onde são comercializados diversos produtos derivados da jabuticaba, entre doces, molhos e até bebidas fermentadas feitas a partir da fruta. A coordenação conta com o apoio da unidade local da Emater em Hidrolândia, conduzido pela extensionista Alenir Batista, que orienta os agricultores quanto ao processamento dos alimentos, padronização e qualidade dos produtos. “Esta época do ano é muito importante para o município, econômica e socialmente, pois gera emprego e promove a cultura regional”, destaca a profissional. A visitação estará aberta até o dia 15 de novembro, todos os dias, das 8 às 18 horas.

Sabores com jabuticaba
Em 2019, com a preocupação de documentar a história e importância da jabuticaba para Hidrolândia, Alenir Batista lançou o livro “Sabores com Jabuticaba”. A publicação traz um panorama histórico da implantação do fruto na cidade e uma série de receitas que incorporam o alimento. Os preparos incluem doces, salgados e bebidas, apresentando ao leitor um leque de possibilidades gastronômicas, de geléias e bombons a farofas e molhos para carne.

“Eu vejo na jabuticaba um potencial muito grande, porque ela é fundamental para a geração de renda aqui. Percebi, no entanto, que muitas pessoas, especialmente as mais jovens, estavam mais interessadas em adquirir produtos prontos do que prepará-los”, conta. Segundo a autora, o livro surgiu com o intuito de despertar essa prática na cozinha e preservar o conhecimento culinário relacionado à fruta entre as novas gerações.

Além das receitas, o exemplar relata como foram levadas as primeiras mudas de jabuticabeira para o município, plantadas na década de 1940 por Antônio Batista da Silva nas terras que hoje compreendem a área da Fazenda Jabuticabal. Os negócios prosperaram tanto que a propriedade deu início a um novo ciclo na cadeia produtiva, com a Vinícola Jabuticabal, a
primeira do Estado de Goiás e a única do Brasil em processamento de jabuticabas.

Com detalhes e curiosidades sobre a história da fruta, a autora também apresenta formas de utilização em diversos segmentos além da gastronomia. Discorre-se sobre a serventia da jabuticaba na medicina popular, na indústria de cosméticos e no paisagismo, como planta ornamental.

Imagens: Nivaldo Ferr/Emater


0 comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comments

comentarios

Share via
Escolha um formato
Questionário de personalidade
Série de perguntas que pretendem revelar algo sobre a personalidade
Quiz de curiosidades
Série de perguntas com respostas certas e erradas que visa verificar o conhecimento
Enquete
Votar para tomar decisões ou determinar opiniões
História
Texto formatado com incorporações e visuais
Lista
The Classic Internet Listicles
Contagem regressiva
As clássicas contagens regressivas da Internet
Lista aberta
Envie seu próprio item e vote para o melhor envio
Lista Classificada
Votar positivamente ou negativamente para decidir o melhor item da lista
Meme
Faça upload de suas próprias imagens para fazer memes personalizados
Vídeo
Incorporação no Youtube, Vimeo ou Vine
Áudio
Incorporação de Soundcloud ou Mixcloud
Imagem
Foto ou GIF
Gif
Formato GIF