Davi vai ser levado para se tratar em São Paulo - ENQUANTO ISSO EM GOIÁS
Home / Notícias / Davi vai ser levado para se tratar em São Paulo

Davi vai ser levado para se tratar em São Paulo

Justiça havia determinado transferência do garoto, que tem síndrome rara.
Mãe conta que está ansiosa pelo tratamento adequado: ‘Estou muito feliz’.

davi-certo

Após decisão judicial determinando tratamento especializado, David Lima de Sousa, de 2 anos e 8 meses, será transferido de um hospital de Goiânia para São Paulo, nesta quinta-feira (28). O garoto sofre de uma doença rara e pesa apenas 5,3kg. A família está com grande expectativa para iniciar o novo tratamento.

“Estou muito ansiosa para chegar lá, começar o tratamento e a gente obter resultados. Estou muito feliz. Agora meu filho vai ter o atendimento que precisa”, disse ao G1 a mãe de David, a autônoma Aline Siqueira Lima, de 34 anos.

Internado no Hospital Araújo Jorge, o menino deixará a unidade de saúde às 9h. Ele, a mãe e uma tia seguirão em uma Unidade de Terapia Intensiva aérea para São Paulo. De acordo com Aline, o Governo de Goiás a informou que o tratamento será no Hospital Israelita Albert Einstein.

O marido de Aline e os outros dois filhos, de 10 anos e  de 4 meses de vida, ficam na capital. “É a primeira vez que separo deles muito tempo. A gente não tem previsão de nada. Vamos hoje, mas a volta só a Deus pertence”, concluiu.

Doença
Quando David tinha 1 ano e meio, ele foi diagnosticado com Síndrome de Imunodeficiência Combinada (Scid). A doença diminui a quantidade de linfócitos – células de defesa – do corpo.

O tratamento consistia em um transplante de medula óssea e, por sorte, o irmão mais velho de David mostrou compatibilidade. A cirurgia foi feita no Araújo Jorge, mas, segundo a mãe, o menino continuou com problemas.

“Mesmo depois do transplante, os exames de sangue dele não mostram alteração. Ele está internado desde o dia 17 de março e não houve evolução. Paralelo a isso, ele tem um problema no intestino, que o faz evacuar cerca de 12 vezes por dia”, explicou Aline.

Em nota, a Associação de Combate ao Câncer em Goiás (ACCG), responsável pelo Hospital Araújo Jorge, informou que o transplante de medula óssea foi um sucesso. Porém, após essa cirurgia, ele apresentou um novo problema clínico, que é uma disfunção no tubo gástrico, o que faz com que os alimentos não seja bem absorvido e provoca diarréia crônica.

Com esse novo quadro, o hospital disse que o menino precisa de um especialista na área gastroenterologia pediátrica e que a unidade não tem profissional nessa área.

Justiça ordena transferência de bebê David Lima de Sousa de 2 anos e 5,3 kg para terapia em Goiás (Foto: Arquivo pessoal)

Matéria: G1 Goiás

Enquanto isso...

11 Benefícios do Óleo de Pequi – Para Que Serve e Dicas

Popular em estados da região Centro-Oeste do Brasil como Mato Grosso e Goiás, o pequi …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *