06/06/2022 às 12h07min - Atualizada em 06/06/2022 às 12h07min

Caiado participa das Cavalhadas de Pirenópolis, ponto alto da Festa em Louvor ao Divino Espírito Santo

Governador Ronaldo Caiado participou da abertura solene das festividades, que completam 204 anos em 2022

As cores azul e vermelha, utilizadas nas indumentárias de personagens mouros e cristãos, tomaram conta do campo das Cavalhadas neste domingo (05/06), em Pirenópolis, no Sul do Estado.

O público lotou as arquibancadas e mais de uma centena de camarotes para prestigiar a retomada da festa, após dois anos de suspensão por causa da pandemia de covid-19. 

Convidado especial, o governador Ronaldo Caiado endossou o apoio do Governo de Goiás ao evento. Este ano, por meio da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), a atual gestão investiu R$ 1,8 milhão na preparação do espetáculo em 12 municípios. “Tivemos o cuidado de fazer com que a verba chegasse antecipadamente aos envolvidos para que a banda, os cavaleiros e todos os envolvidos pudessem fazer a ornamentação no melhor padrão que existe”, explicou.  

“A festa está com uma beleza diferente este ano, está muito bem apresentada graças a esse esforço do Governo de Goiás”, completou Caiado. Durante a abertura solene, diversos grupos folclóricos se apresentaram, como as Pastorinhas e a banda Phoenix, além dos famosos cavaleiros mascarados. 

Um dos participantes era o adestrador de cavalos Martinez Pereira da Silva Filho, que herdou do pai o gosto pela tradição. “É uma coisa muito gratificante pra mim. Minha família toda vive as Cavalhadas e neste ano eu perdi meu pai, que era cavaleiro cristão. Hoje estou aqui muito emocionado”, afirmou ele.

O funcionário público José Araújo estava na expectativa para a retomada: “Acompanho desde menino, gosto muito de ver o desfile, sem falar no significado religioso que tem pra mim”.

As batalhas continuam até terça-feira (07/06) e, seguindo a tradição, terminam com a rendição dos mouros ao cristianismo no terceiro dia. As apresentações começam sempre às 13 horas, no Módulo Esportivo, já que o Cavalhódromo está fechado para reforma. Além de Pirenópolis, neste final de semana o governador visitou Santa Cruz de Goiás e Jaraguá, que também realizam Cavalhadas no mês de junho.

Patrimônio cultural
Desde 2010, a Festa do Divino Espírito Santo de Pirenópolis é reconhecida pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) como Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil. Neste ano, completa 204 anos de história. 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://enquantoissoemgoias.com/.