Notícias

Divórcios aumentam na pandemia; psicóloga explica impacto do isolamento

Que 2020 tem sido um ano desafiador, já é de senso comum. Entretanto, para os casais, que normalmente já enfrentam desafios da convivência diária, a pandemia pode ter agravado pequenos problemas e os transformado em algo maior. Foi o que aconteceu com anônimos e famosos, muitos deles vistos como “exemplos de união”. Em alguns casos, o divórcio se tornou inevitável.

No último dia 9, o cantor Gusttavo Lima e a modelo Andressa Suíta anunciaram a separação após 5 anos de casamento. Da mesma forma, o humorista Whindersson Nunes e a cantora Luísa Sonza se divorciaram, em junho, surpreendendo fãs e seguidores.


Andressa Suita e Gusttavo Lima/  Whindersson Nunes e Luísa Sonza (Fotos: divulgação)

De acordo com dados do Colégio Notarial do Brasil, os pedidos de divórcio extrajudicial registrados em cartórios de todo o país cresceram 16% se compararmos julho de 2019 e julho de 2020.

Em Goiânia, os números são semelhantes. Somente em um cartório de registro civil localizado em Campinas, o número de divórcios aumentou 20% nos últimos quatro meses.

“Houve um aumento significativo no número de divórcios, até porque hoje em dia é mais fácil, não tem mais a necessidade de um processo judicial quando há um consenso. Atualmente, as mulheres têm tomado mais a iniciativa da separação”, explica o tabelião Antônio do Prado em entrevista ao jornal A Redação.

Para a psicóloga Grisiele Silva (ao lado), a convivência mais intensa neste momento de pandemia é um fator bastante relevante para o aumento nestes índices. “Isto se deu pelo tempo prolongado de confinamento num mesmo espaço e pela característica deste momento, que é um tempo de crise, com mais estresse, medo, insegurança e incerteza, tanto no que se refere à saúde como as questões financeiras e sociais”, diz.

Para ela, as situações de estresse geram, muitas vezes, irritabilidade, impaciência e intolerância. “O nível de ansiedade das pessoas também está mais alto que em períodos ‘normais’, e isto também  influencia nas relações, pois nos faz enxergar a vida com um olhar mais negativo. Ou seja, situações que em outros momentos poderiam ser facilmente relevadas, nestes momentos acabam gerando brigas e discussões.”

Fatores de influência

Grisiele Silva explica que, de modo geral,  a falta de perspectiva positiva de futuro, no que se refere à relação, faz com que os casais optem pela separação. Se o casal está passando por uma crise, mas acredita que seja possível superar, que podem, com algumas mudanças, melhorar a convivência,  eles tendem a continuar juntos.

“Mas quando se cansam de tentar, quando deixam de acreditar que pode ser diferente,  aí a separação passa a ser uma opção bastante forte para o casal. Ou seja, não são os problemas em si que geram a separação,  mas o fato de não acreditar que é possível  superar tais problemas, e este desânimo no que se refere à relação está, na maioria das vezes, atrelado a um afastamento afetivo”, diz a psicóloga

A separação de famosos pode ser uma espécie de influência para os casais que estão passando por algum tipo de dificuldade, explica Grisiele. “Quando a separação já é considerada uma opção, o ‘assistir’ a separação de outros casais pode ajudar a encorajar na tomada de decisão. Além disso, o fato de admirar uma pessoa, muitas vezes colocada como referência, e perceber que ela também passa por situações desagradáveis, faz com que a pessoa aceite melhor as suas próprias dificuldades e passe a encará-las ao invés de seguir a vida fingindo que elas não existem; e ao encarar as suas dificuldades, a tendência é que tomem alguma decisão referente a elas, sendo a separação, neste caso, uma opção bastante forte”, explica.

Amor em alta
Apesar do aumento no número de divórcios, os casamentos estão em alta, como explica o tabelião Antônio do Prado. No cartório pelo qual é responsável, os casamentos também aumentaram durante a pandemia.

“O divórcio não abalou as estruturas do casamento. Apesar de cerca de 40% dos casamentos terminarem em separação oficial, ainda se casa muito mais”, diz.

O tabelião, que já realizou mais de 200 mil casamentos em seus 64 anos de experiência na área, afirma que agora a novidade é o casamento on-line. “Com a pandemia surgiu essa inovação. Temos tido muita procura, porque fomos o primeiro cartório a surgir com essa curiosidade”, comemora.

Fonte: A Redação / Carolina Pessoni

Faça um comentário

Faça seu comentário

Empório
To Top