fbpx

“Não vou trocar vida por voto”, declara Caiado


Governador anunciou medidas contra covid-19

Durante anúncio de novas medidas restritivas para enfrentamento da covid-19, nesta terça-feira (16/3), o governador Ronaldo Caiado reforçou a confiança nas ações que visam preservar o distanciamento social e criticou o uso político da pandemia. “Não vou trocar, de maneira alguma, vida por voto”, enfatizou. Ele afirmou que enquanto o Estado estiver em situação de calamidade, não é possível pensar em medidas individualizadas para os municípios, até pela falta de estrutura para atender os pacientes da doença.

“Não sejam induzidos por discurso sem menor base científica, discurso de demagogos, pessoas que sabem da realidade, mas acham que o populismo, a negação à ciência é mais forte para que ele tenha seus interesses atingidos. Em Goiás, vamos mostrar que nós, os poderes constituídos, a população, estamos imbuídos em salvar a nossa economia e ao mesmo tempo vacinar a nossa população”, afirmou o governador.

Caiado considerou que o Estado ainda está longe de começar a vacinar todas as pessoas acima de 60 anos de idade e relevou que pode já não ser suficiente, já que jovens também têm sido gravemente acometidos pela covid-19. “Eu me lembro que, quando a Universidade Federal de Goiás disse que chegaríamos a 8 mil óbitos em Goiás, ironizaram, transformaram em chacota. Já chegamos a 10 mil óbitos e em uma linha ascendente. Essa é a realidade que temos que confrontar.”

Críticas
O governador não poupou críticas às manifestações contrárias às medidas que visam o isolamento social reduzindo o funcionamento das atividades econômicas e comerciais. “Sempre acreditei que a pandemia deveria servir para que o sentimento de humanização, de amor ao próximo, fosse aflorado. Mas o que vemos é que alguns grupos transformam esse momento em ações cada vez mais no sentido de animalizar o processo”, afirmou.

Ele citou o protesto realizado na BR-153 na segunda-feira (15/3), próximo ao Paço Municipal, que gerou congestionamento de 20 quilômetros nas vias da rodovia. “Eram pessoas obstruindo a BR-153 onde estavam caminhões trazendo oxigênio para os hospitais, medicamentos para Goiânia. A que ponto chega a insanidade em um momento como esse? Onde tem explicação para isso?”

Caiado pediu às pessoas que sejam “honestas intelectualmente” para perceber que a crise não é causada pelo fechamento temporário das atividades, mas, sim, pelo vírus.

Segundo o governador, sair da crise significa ter menor número de óbitos. “Empresa tem como ter CNPJ recuperado, mas se o cidadão vai a óbito, não tem como ressuscitá-lo”, enfatizou. Ele ainda reforçou que não fará discussão político-partidária sobre a covid-19. “O presidente (da República) tem sempre a posição dele. Eu tenho a minha posição. Eu fui bem explícito no meu pronunciamento”, considerou. Em sua fala, ele reforçou o uso da ciência e do que chamou de “boa medicina” como referências para o enfrentamento da pandemia.

Fonte: A Redação


Comments

comentarios

0 comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share via
Escolha um formato
Questionário de personalidade
Série de perguntas que pretendem revelar algo sobre a personalidade
Quiz de curiosidades
Série de perguntas com respostas certas e erradas que visa verificar o conhecimento
Enquete
Votar para tomar decisões ou determinar opiniões
História
Texto formatado com incorporações e visuais
Lista
The Classic Internet Listicles
Contagem regressiva
As clássicas contagens regressivas da Internet
Lista aberta
Envie seu próprio item e vote para o melhor envio
Lista Classificada
Votar positivamente ou negativamente para decidir o melhor item da lista
Meme
Faça upload de suas próprias imagens para fazer memes personalizados
Vídeo
Incorporação no Youtube, Vimeo ou Vine
Áudio
Incorporação de Soundcloud ou Mixcloud
Imagem
Foto ou GIF
Gif
Formato GIF