29/06/2022 às 21h09min - Atualizada em 29/06/2022 às 21h09min

Polícia Civil de Goiás prende investigado por matar ex sogro em farmácia de Goiânia, vídeo

Felipe Gabriel Jardim Gonçalves, de 26 anos, estava foragido da Justiça de Goiás

A Polícia Civil de Goiás prendeu o investigado por homicídio de um policial civil aposentado e por crimes de violência doméstica. Ex-servidor da Prefeitura de Goiânia, Felipe Gabriel Jardim estava sendo procurado pela Justiça de Goiás e foi capturado nesta quarta-feira (29).


Segundo delegada, Felipe Gabriel Jardim Gonçalves, de 26 anos, estava em uma casa 'aparentemente' acobertado por parentes. 

De acordo com os policiais, o assassinato de João Rosário Leão, de 63 anos, aconteceu na segunda-feira (27) na farmácia onde ele era sócio, no Setor Bueno, em Goiânia. Uma câmera de segurança gravou o momento em que Felipe Jardim atirou contra João Leão.

O suspeito era namorado de uma das filhas da vítima e o crime teria sido motivado por um desentendimento entre o ex-casal.


 

 

"Meu Jesus amado, faça com que ele continue preso! Ele não pode ser liberado", escreveu Kênnia Bianka, que presenciou a morte do pai.

 

"Deus é fiel! Obrigada a todos que postaram, que ajudaram, que lutaram por justiça junto com a nossa família. Obrigada meu Deus"", escreveu a filha Kênnia Yanka, que era namorada do suspeito.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://enquantoissoemgoias.com/.