30/09/2022 às 20h03min - Atualizada em 30/09/2022 às 20h03min

Governo de Goiás abre novas frentes de recuperação de rodovias

Três trechos que atendem rotas turísticas e corredores produtivos vão receber o serviço nos próximos dias. Investimento será de R$ 146 milhões

O Governo de Goiás abriu novos canteiros de obras de recuperação asfáltica neste mês de setembro. As máquinas já trabalham na GO-060, entre Piranhas e Iporá; na GO-330, de Catalão a Três Ranchos; e na GO-164, de Mozarlândia a Nova Crixás; e outros três trechos rodoviários estão com ordens de serviço assinadas. Aproximadamente R$ 146 milhões serão investidos para alcançar a marca de 930 quilômetros de malha viária revitalizada com a aplicação de microrrevestimento e nova sinalização.

Executadas pela Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra), as obras contemplam corredores de produção e rotas turísticas em várias regiões do Estado. O objetivo é ampliar a vida útil do pavimento com serviços que rejuvenescem a infraestrutura e asseguram trafegabilidade, sobretudo em vias que são estratégicas para o desenvolvimento regional e que recebem um alto fluxo de veículos de passeio e de carga.

Na GO-060, o trecho de Piranhas a Iporá tem 90 quilômetros e é uma ligação fundamental do Oeste goiano com o Mato Grosso. A rodovia é um corredor com intenso tráfego de caminhões e a obra é uma antiga demanda dos moradores e do setor produtivo. A Goinfra executou, no ano passado, a reconstrução da GO-060 entre Firminópolis e Iporá. Com a nova frente de serviço, os goianos terão uma extensão de 200 quilômetros de pista recuperada na região e em perfeita condição de trafegabilidade. 

No Sudeste goiano, está sendo revitalizado o asfalto de 28 quilômetros da GO-330, entre Catalão e Três Ranchos. Com alto potencial turístico por conta do Lago Azul, a rodovia que fica na divisa de Goiás e Minas Gerais é trajeto escolhido por muitos goianos, principalmente em períodos de férias. Com o serviço, a Goinfra responde a outro anseio da população relacionado à malha viária estadual.

Rota do Araguaia
As obras de recuperação também já chegaram à GO-164, de Araguapaz a Nova Crixás, contemplando ainda Mozarlândia. O trabalho beneficia todos os municípios do Norte goiano que integram a rota turística do Rio Araguaia e garante acesso à cidade de Cocalinho (Mato Grosso) e aos distritos de Bandeirantes (Nova Crixás) e Luiz Alves (São Miguel do Araguaia). 

No total, 86 quilômetros vão receber aplicação de microrrevestimento. O setor produtivo também será beneficiado com a obra, que vai facilitar o escoamento da produção de municípios como Nova Crixás e Mozarlândia. Este último reúne frigoríficos e empresas do ramo agropecuário. 

Neste mês de outubro, novos canteiros serão iniciados. Mais dois trechos da GO-164 vão receber microrrevestimento: Nova Crixás-Mundo Novo e Mundo Novo-São Miguel do Araguaia. Serão mais 66 quilômetros da via recuperados. No Centro goiano, o trabalho vai abarcar 52 quilômetros da GO-080, na extensão entre os municípios de Jaraguá e Goianésia.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://enquantoissoemgoias.com/.