10/11/2022 às 23h29min - Atualizada em 11/11/2022 às 00h00min

Covid-19: Unicamp retoma uso obrigatório de máscaras em salas de aula e laboratórios

Universidade estadual adotou medidas de segurança após aumento de pessoas com sintomas respiratórios e casos positivos da doença nos campi em Campinas, Piracicaba e Limeira.

G1 Brasil
https://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/educacao/noticia/2022/11/10/covid-19-unicamp-retoma-uso-obrigatorio-de-mascaras-em-salas-de-aula-e-laboratorios.ghtml

Universidade estadual adotou medidas de segurança após aumento de pessoas com sintomas respiratórios e casos positivos da doença nos campi em Campinas, Piracicaba e Limeira. Acesso ao campus da Unicamp, em Campinas
Antoninho Perri / Unicamp
Menos de dois meses depois de desobrigar o uso de máscaras em ambientes internos, a Unicamp anunciou na noite desta quinta-feira (10) a retomada da obrigatoriedade do equipamento de proteção em ambientes fechados, como salas de aula, bibliotecas, laboratórios e ônibus fretados, entre outros, nos campi e colégios de Campinas (SP), Piracicaba (SP) e Limeira (SP). A medida foi tomada em virtude do aumento de pessoas com sintomas respiratórios e casos positivos de Covid-19 identificados na universidade nas últimas duas semanas.
Em nota, o Comitê Científico de Contingenciamento do Coronavírus na Unicamp estabeleceu diretrizes que passam a vigorar a partir desta sexta-feira (11) e que incluem, além do uso de máscaras cirúrgicas ou do tipo PFF2, a obrigatoriedade de esquema vacinal completo, com as doses de reforço, para os maiores de 18 anos. As aulas presenciais estão mantidas.
Estado de SP tem aumento de 56% em internações em UTI por Covid em duas semanas, e governo paulista emite alerta
Unicamp cancela matrícula de 1.311 alunos em 2022 por falta de comprovação da vacina contra Covid-19
"Considerando o novo cenário epidemiológico, evidenciado pelo aumento no número de pessoas com sintomas respiratórios e testes diagnósticos positivos para covid-19 identificados na Universidade nas últimas duas semanas, e ressaltando que esse crescimento não se reflete, na mesma proporção, no número de casos graves, o Comitê Científico atualizou as diretrizes sanitárias para a comunidade", diz a nota.
Confira as diretrizes
Uso obrigatório de máscaras cirúrgicas ou do tipo PFF2 em toda a área da saúde e em ambientes fechados, tais como salas de aula, bibliotecas, laboratórios, ônibus fretados etc.
Recomendação de refeições mais rápidas, com o mínimo de diálogo possível entre os frequentadores dos restaurantes universitários e cantinas.
Lavagem frequente das mãos com água e sabão ou higienização por meio de álcool 70%.
Aglomerações, tais como festas ou eventos de grandes proporções, devem ser evitadas.
Obrigatoriedade de esquema vacinal completo, com as doses de reforço para maiores de 18 anos, e de inserção dos dados nos sistemas da DAC, DGRH e FUNCAMP – a imunização contra a covid-19 está disponível no Cecom, das 8h30 às 17h30, diariamente, mediante agendamento prévio.
Continuidade das aulas presenciais, com o auxílio dos robôs educacionais para a inclusão de estudantes afastados por suspeita de ou com covid-19 confirmada – pessoas com sintomas respiratórios não devem frequentar presencialmente os campi universitários e devem seguir as orientações contidas nos Protocolos Rápidos de Orientação (PROs), disponíveis no link.
Máscaras PFF2/N95.
Caíque Rodrigues/g1 RR
VÍDEOS: tudo sobre Campinas e região
Veja mais notícias da região no g1 Campinas.

Fonte: https://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/educacao/noticia/2022/11/10/covid-19-unicamp-retoma-uso-obrigatorio-de-mascaras-em-salas-de-aula-e-laboratorios.ghtml
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://enquantoissoemgoias.com/.