25/03/2024 às 11h02min - Atualizada em 25/03/2024 às 11h02min

Startup goiana é destaque na mobilidade elétrica no Centro-Oeste

YellotMob cresce acima do planejamento para 2024 evitando a emissão de mais de 60 toneladas de CO2 na atmosfera em apenas 6 meses de operação

Estação Fast Charge YellotMob
O estudo da Bain & Company revelou que 25% dos proprietários de carros no Brasil consideram migrar para veículos elétricos. Em Goiás, o crescimento segue a tendência nacional, registrando 12.026 veículos elétricos em janeiro de 2024, quase triplicando em relação ao ano anterior. Outro levantamento de mercado, vem da Startup YellotMob. Segundo a empresa, nos últimos 180 dias, seus 3 mil usuários de eletropostos, deixaram de gastar, juntos, mais de R$ 100 mil em abastecimento. Mais do que isso, a economia no bolso evitou a emissão de 60 toneladas de CO2. Entendendo como a eletromobilidade tende a ser um segmento cada vez mais demandado, a empresa está investindo em tecnologia e infraestrutura, com a adição de 5 novos pontos de carga rápida até o final de março deste ano, totalizando nove eletropostos de recarga rápida em Goiás e no Distrito Federal.

“No dia 7 de março inauguramos a primeira estação de recarga rápida de Brasília, sendo que no dia anterior também inauguramos uma estação semirrápida em Anápolis.  Com uma infraestrutura inteligente, a primeira estação de carga rápida pública do trajeto Goiânia-Brasília também foi YellotMob. Isso reforça nosso compromisso com a região Centro-Oeste”, destaca Pedro Bouhid, sócio-fundador e CEO da YellotMob.
Os números, segundo a Associação Brasileira do Veículo Elétrico (ABVE) refletem a persistência do crescimento nas vendas de veículos elétricos leves nos últimos anos no Brasil, especialmente em 2023, quando atingiram a marca de 93.247 unidades. Em janeiro de 2024, o mercado de veículos eletrificados no Brasil alcançou um recorde de vendas, com 4.358 veículos 100% elétricos (BEV) emplacados, representando 36% do total.
“Há um ano, quando fundamos a YellotMob, sabíamos que este mercado era promissor, mas não imaginávamos que o crescimento seria tão acelerado. Somos uma startup goiana, originados de uma empresa também daqui. Conhecemos o potencial da nossa região e apostamos nele para fazer do Centro-Oeste um dos protagonistas na aceleração da eletromobilidade no Brasil”, analisa Bouhid.

Novos mercados

Vislumbrando um crescimento exponencial, a empresa já atua diretamente criando tecnologia, redes e conexões que ampliem as rotas de veículos elétricos e que proporcionem para esse mercado a infraestrutura necessária para expansão da mobilidade elétrica para a melhor experiência do cliente.  Com R$ 40 MIL em recargas e 92% de adimplência nos últimos seis meses, a Yellot já é uma referência em energia renovável na região. “Nosso objetivo é fortalecer a posição da startup, como uma força motriz na transição para uma mobilidade mais sustentável no coração do Brasil”, frisa Pedro Bouhid.

Com um aplicativo próprio, a Startup implementa a implantação de novas funcionalidades constantes, a proximidade com o público B2B e B2C na região do Centro-Oeste, o que permite que a empresa compreenda profundamente seu mercado e seus clientes. Com destaque, a YellotMob possui rede 100% monitorada, com um time dedicado à manutenção, garantindo a maior disponibilidade possível para os usuários na região do Centro-Oeste, que você pode acessar pelo site yellotmob.com.br.

Sobre a Yellot
Referência em energia limpa no Centro-Oeste, a Yellot foi fundada em 2016 por três empresários – Pedro Bouhid, Jilson Brasil e Carlos Bouhid. Por seu pioneirismo, rapidamente ganhou projeção ao desenvolver projetos, instalações e consultoria em energia solar. Inicialmente, atuando com a marca Dusol e entregando projetos de excelência nos escritórios de negócio em Goiânia (GO) e Brasília (DF), seus fundadores logo perceberam novas oportunidades de mercado, indo além das soluções em energia solar, a começar pelo nome. Evoluindo e abrindo caminhos para ainda mais inovação e possibilidades em energia limpa, em abril de 2022 nasceu a Yellot, agora uma Energy Platform. A empresa traz um portfólio ainda mais completo para atender empresas, indústrias, residências e agronegócio, com ênfase para grandes projetos. Com a Yellot, a empresa deixa explícito que o sol não é o limite, mas sim o início de um processo contínuo de inovação, ancorado em tecnologia e soluções que visam economia e sustentabilidade.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://enquantoissoemgoias.com/.