29/03/2021 às 10h54min - Atualizada em 29/03/2021 às 10h57min

Caiado confirma resultado das restrições às atividades não essenciais

Governador reforçou estabilidade do Estado Em entrevista coletiva organizada para o início da vacinação dos profissionais da segurança pública em Goiás, nesta segunda-feira (29/3), o governador Ronaldo Caiado enfatizou os resultados do período de 14 dias de restrições às atividades não essenciais no Estado, que se encerra na terça (30/3). "Três estados, pelo mapeamento, estão na faixa de estabilidade. Entre eles, o Estado de Goiás. Isso mostra que os 14 dias que nós estivemos interrompidos das atividades, fora as essenciais, teve resultado", avaliou. Caiado reforçou que o Estado conseguiu estabilizar os números de contaminações e óbitos pela covid-19 nesse período e agradeceu à população pelo apoio no cumprimento das normas. Ele informou que, como proposto no decreto que restringiu as as atividades não essenciais por 14 dias com abertura posterior também por 14 dias, o revezamento será feito, com a liberação do funcionamento das outras áreas da economia, dentro de critérios ainda de enfrentamento à pandemia, a partir de quarta-feira (31/3). "Nesses proximos 14 dias, o que eu peço é que todos tenham a responsabilidade de manter todos os protocolos, para que continuemos nessa faixa de estabilização em que estamos e entrarmos na faixa de queda do número de pacientes no Estado de Goiás", afirmou o governador. Ele ainda agradeceu o prefeito de Goiânia, Rogério Cruz, pelo anúncio de que a capital irá acompanhar as medidas dos decretos estaduais. Goiânia começou o revezamento 14x14 com decreto municipal publicado antes do que foi feito pela gestão do Estado e reabiria as atividades comerciais nesta segunda (29/3), mas o prefeito optou por prolongar a validade das restrições até a terça-feira para acompanhar as ações do governo estadual. "A ação do prefeito Rogério Cruz foi extremamente importante para que nós atingíssemos esse resultado e agradeço por ter também prolongado seu decreto até amanhã para que de forma conjunta possamos assinar o outro, que será a liberação nesses 14 dias, com as restrições previstas em termos de número de pessoas como também das exigências que serão necessárias." Segurança Pública Na manhã desta segunda (29/3), na Academia da Polícia Militar, foi iniciada a vacinação das forças de segurança do Estado de Goiás. Caiado anunciou na última semana que os profissionais do setor entrariam na lista de prioridades em decorrência do alto número de contaminações e óbitos. Foi informado que, de cada nova remessa de vacinas que chegar a Goiás, 5% será destinado aos profissionais da área. Nestas segunda e terça-feira, serão vacinados os servidores com mais de 51 anos das Polícias Militar, Civil, Federal e Rodoviária Federal, além de integrantes da Guarda Municipal Metropolitana, do Corpo de Bombeiros e das polícias científica e penal. Em sua entrevista, Caiado afirmou que ele mesmo vacinou um representante de cada um desses grupos.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://enquantoissoemgoias.com/.